Skip to content

Segundo a IDC, os brasileiros estão gastando mais com smartphones

brasileiros-estao-gastando-mais-com-smartphones

Nem mesmo a crise econômica é barreira na hora de comprar um smartphone. A IDC divulgou um levantamento, onde mostra que os brasileiros estão gastando mais com smartphones nesses últimos anos.
Entre os anos de 2014 e 2015 o gasto médio do brasileiro com a compra de smartphones subiu cerca de 27%, ou seja, de R$ 750,00 para R$ 880,00.
Diego Silva, analista da IDC no Brasil, relatou que o aumento na venda de smartphones supera a alta do dólar e tem também o fato do mercado brasileiro estar mais maduro, pois, com o dólar alto, é inviável para as empresas trabalharem com valores mais baixos.

 

Outro fator para o aumento no gasto com smartphones

Muitos, depois de lerem o título desse artigo, diriam que é obvio: ora, o gasto com smartphones aumentou devido aos preços elevados (por conta do aumento do dólar), concluída a questão.
De fato, o que influencia essa alta de mercado é sem dúvidas o valor elevado nos aparelhos, mas existem também outras coisas que em dado gás a esse aumento, e a mudança no comportamento dos brasileiros é uma delas.
As pessoas tem ficado mais exigentes na hora de comprar um smartphone, por isso que, na hora da troca, eles tendem a querer algo melhor e mais caro que o seu anterior. O que comprova isso é o fato de que, os aparelhos com valores de mercado abaixo de R$ 700,00 tiveram uma queda em vendas, de 59% caíram para 44% no ano passado (2015).
Já os smartphones com preço entre R$700 até R$1.300 tiveram um aumento de 13% em suas vendas aqui no Brasil, indo de 31% para 44%. Isso mostra claramente que, mesmo em meio à crise econômica instalada, a população do Brasil não para de comprar smartphones mais caros.
Os smartphones com preço acima de R$ 1.300 reais tiveram um aumento de 2% no número de compras, partindo de 10% para 12% este ano de 2016.

Queda no número de vendas de smartphones

Apesar dos brasileiros estarem gastando mais com smartphones, a IDC prevê uma queda no número de vendas de aparelhos, por unidades, neste ano de 2016.
No ano de 2014 as vendas foram maiores do que em 2015, com 54,5 milhões de aparelhos vendidos contra 47,2 milhões no ano seguinte. Segundo um relatório da IDC Brasil, foram vendidos 104 smartphones por minuto em 2014.
A consultoria da IDC relatou que o mercado deverá retornar com tudo apenas em 2017, mas já ocorreram mudanças nos meses finais de 2016.

 

Veja mais: