Smartphone dobrável será produzido em 2016 pela Samsung

O smartphone dobrável entrará em processo de produção neste ano de 2016. A Samsung deverá caprichar neste aparelho, veja como será o smartphone dobrável…

No ano de 2015 saiu uma notícia, sem confirmação, de que o smartphone dobrável seria lançado em Janeiro de 2016, mas apesar de não ter sido algo verídico, agora, a própria sul-coreana confirmou que já está produzindo o aparelho.
O smartphone dobrável, tão esperado, está perto de ser tornar realidade para muitas pessoas. A Samsung anunciou que o smartphone dobrável já entrará em processo de produção neste ano de 2016 e ele estará disponível para compra em 2017.

Quem não gostaria de poder dobrar e guardar seu smartphone no bolso calça ou dentro de uma bolsa ocupando menos espaço? Apesar dessa não ser uma ideia recém-chegada, a Samsung deverá caprichar neste aparelho, pois as coisas não andam lá muito boas para o setor financeiro da sul-coreana.

Como será o smartphone dobrável?

Ainda não está confirmado mas, segundo fontes, o smartphone dobrável terá uma tela de 5 polegadas quando fechado e, ao abri-lo, ele se tornará um tablet com 7 polegadas, contando com uma RAM de 3GB e um processador Snapdragon.
A empresa sul-coreana relatou que o smartphone dobrável será comercializado a partir do próximo ano e, se os dados estiverem corretos, a Samsung poderá sair na frente de suas concorrentes e conseguir se manter firme outra vez no mercado de aparelhos móveis.

Há rumores de que haveriam duas versões de aparelho, um smartphone dobrável de 5 polegadas e um tablet dobrável de 7 polegadas, mas, o que sabemos é que a Samsung já está a postos para a produção deste aparelho e que muitos já estão na expectativa para obter maiores informações sobre ele.

A Samsung já estava fazendo pesquisas sobre telas com tecnologia OLED e, há três anos, vem realizando pesquisas sobre telas dobráveis, o que já garantiria uma vantagem com os seus concorrentes.
Agora, a Samsung precisa vir com tudo e muito mais em seus aparelhos, aproveitar essa ideia e os investimento em tecnologia e estudos para fazer um smartphone top de linha e conquistar novamente seu público.